STRASBOURG – FRANÇA

Strasbourg é uma cidade muito linda, e a cada esquina você se surpreende com as belas paisagens. A parte central é toda rodeada por canais. É tudo muito limpo e organizado, é uma cidade realmente imperdível nessa região fronteiriça entre Alemanha e França. Lembra muito as típicas cidadezinhas alemãs do interior, comuns na rota romântica, afinal já pertenceu à Alemanha.

Essa parte da história não vou deixar de contar, sem me estender muito.

Strasbourg foi anexada ao recém estabelecido Império Alemão como capital do Reichsland da Alsácia-Lorena (Alsace-Lorraine) em 1871, após a Guerra franco-prussiana (Tratado de Frankfurt). Este período marcou o apogeu da dominação política e territorial de Strasbourg. Beneficiou-se igualmente da intenção alemã de transformar a cidade na vitrine da cultura alemã, visando a atrair as populações locais e a mostrar ao mundo e à França a superioridade da cultura germânica. Strasbourg recebeu então inúmeros edifícios públicos, entre os quais o Palácio do Imperador (atualmente Palácio do Reno), o parlamento da Alsácia-Lorena e o Palácio Universitário. A mais importante extensão urbana de Estrasburgo foi então planificada, tendo como resultado a duplicação da superfície da zona urbana em trinta anos.

A cidade voltou à França após a Primeira Guerra Mundial em 1919, pelo Tratado de Versalhes. Tornou-se novamente parte da Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial, de 1940 a 1945, para retornar à França no final da guerra. Pronto.

O roteiro turístico é riquíssimo e além de praças, restaurantes e muitas lojas, devem visitar a Catedral de Notre Dame. Ela é uma das mais famosas da França, e também uma das mais bonitas. Sua construção foi iniciada em 1015, mas somente foi finalizada em 1439. Sua fachada gótica é realmente impressionante, bem como seu interior.

Conhecer o Petit France é obrigatório, é o ponto turístico mais famoso da cidade. O bairro é lindo, as casinhas são encantadoras, apesar do nome francês, são de estilo tipicamente alemãs. Totalmente rodeado por canais e pontes floridas.
Também muito importante é a Igreja St. Thomas.

As caminhadas são incansáveis, e muito gratificante é observar a arquitetura, agora obrigatório é conhecer o relógio astronômico.
Seu mecanismo data de 1842 e sua complexidade e beleza impressionam. Todos os dias as 12:30hs o relógio começa o seu espetáculo com lindos bonecos, que se mexem emitindo sons sincronizadamente.
Strasbourg realmente merece ser colocada no próximo roteiro de viagem, serão imagens que com certeza jamais esquecerão!

Beijos

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *