TANTOS AÇOS

image

O velho abraço
Me apertava como laço
Com os corpos colados sentia o compasso
Do já cansado e persistente coração se negando a um colapso
Julgada forte como aço
Me soltei lentamente, e de você pra sempre carrego um pedaço
Das minhas lembranças friamente me desfaço
Lentamente caminho e meu destino eu refaço!
AF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *